TOP 15 actividades sensoriais para crianças autistas: estimula o seu desenvolvimento

Rate this post

O autismo é uma perturbação do desenvolvimento que afecta a comunicação, a interação social e o comportamento das crianças. Para os pais de crianças autistas, é essencial encontrar actividades que estimulem o seu desenvolvimento, respeitando as suas necessidades específicas. As actividades sensoriais desempenham um papel importante no desenvolvimento das crianças com autismo, ajudando-as a desenvolver as suas capacidades sensoriais, cognitivas e de comunicação. Neste artigo, exploramos diferentes actividades sensoriais adaptadas a crianças com autismo e os seus benefícios para o seu desenvolvimento.

 

Os benefícios das actividades sensoriais para as crianças autistas

As actividades sensoriais oferecem às crianças autistas uma experiência estimulante e enriquecedora que promove o seu desenvolvimento global. Eis alguns dos principais benefícios das actividades sensoriais:

Estimulação sensorial

As actividades sensoriais envolvem os sentidos das crianças autistas, como a visão, a audição, o tato, o olfato e o paladar. Isto ajuda-os a explorar e a interagir com o seu ambiente, melhorando a sua perceção sensorial.

Desenvolvimento cognitivo

As actividades sensoriais estimulam a cognição das crianças autistas, encorajando-as a observar, a resolver problemas, a classificar e a associar objectos, promovendo assim o pensamento criativo e a resolução de problemas.

Comunicação e linguagem

As actividades sensoriais podem facilitar a comunicação e a linguagem das crianças autistas. Ao estimular os seus sentidos, estas actividades encorajam-nas a expressarem-se, a partilharem as suas experiências e a desenvolverem o seu vocabulário.

Reduz a ansiedade

As actividades sensoriais podem ajudar a reduzir a ansiedade e o stress das crianças autistas, oferecendo-lhes uma forma de relaxar e de se acalmarem. Estas actividades sensoriais são muitas vezes calmantes e reconfortantes para eles.

Desenvolver competências sociais

As actividades sensoriais podem ser realizadas em grupo, permitindo que as crianças autistas desenvolvam as suas competências sociais, como a partilha, o revezamento e a interação com os outros.

 

Actividades sensoriais para crianças autistas

 

 

As actividades sensoriais oferecem muitos benefícios às crianças autistas, estimulando o seu desenvolvimento sensorial, cognitivo, comunicativo e social. Ao oferecer uma variedade de actividades adaptadas, os pais e os profissionais da educação podem ajudar estas crianças a desenvolverem-se e a interagirem melhor com o seu ambiente.

É importante notar que cada criança com autismo é única, e é essencial ter em conta as suas preferências e necessidades individuais ao escolher as actividades sensoriais. Observa as reacções da criança, adapta as actividades de acordo com os seus interesses e limites, e certifica-te de que crias um ambiente calmo e confortável para encorajar o seu envolvimento e bem-estar.

  1. Tabuleiro sensorial: Prepara um tabuleiro com diferentes materiais sensoriais, como areia, sementes, arroz ou massa. Deixa a criança explorar e brincar com os diferentes materiais, utilizando as suas mãos ou ferramentas como colheres ou pincéis. Isto encoraja a estimulação tátil e a descoberta sensorial.
  2. Tinta sensorial: Utiliza uma tinta especial para actividades sensoriais, que oferece uma textura diferente e interessante. As crianças podem usar os dedos ou os pincéis para pintar e experimentar diferentes sensações tácteis.
  3. Brincar com a luz: Utiliza lâmpadas, fios de luz ou brinquedos luminosos para criar efeitos de luz num quarto escuro. As crianças com autismo são frequentemente fascinadas por efeitos de luz e podem passar muito tempo a olhar para eles, o que estimula a sua perceção visual.

4. Actividades aromáticas: Utiliza óleos essenciais ou perfumes naturais para criar actividades olfactivas. Por exemplo, podes criar frascos de geleia aromatizada ou saquetas de lavanda. As crianças podem cheirar as diferentes fragrâncias e descobrir as sensações olfactivas.

5. Jogos aquáticos: As actividades aquáticas proporcionam uma estimulação tátil e visual. Enche uma banheira com água e adiciona brinquedos ou objectos flutuantes para manipular. As crianças podem salpicar, verter e experimentar as diferentes texturas da água.

6. Música e dança: A música estimula a audição e o movimento. Organiza sessões de música onde as crianças podem ouvir música, tocar instrumentos simples ou dançar. Isto estimula a coordenação motora e a expressão emocional.

    7. Equipamento de manuseamento Oferece às crianças jogos manipulativos, como puzzles, cubos ou formas empilhadas. Estas actividades favorecem a coordenação entre as mãos e os olhos, a concentração e o desenvolvimento das capacidades cognitivas.

    8. actividades tácteis Prepara caixas com diferentes texturas (por exemplo, areia, massa de modelar, penas, tecido) e incentiva as crianças a explorar e a tocar nos diferentes materiais. Isto estimula o seu sentido do tato e desenvolve a sua perceção sensorial.

    9. actividades de jardinagem A jardinagem proporciona uma experiência sensorial completa, envolvendo o tato, o olfato e a visão. As crianças podem plantar flores, tocar na terra, cheirar as plantas e vê-las crescer.

    10. Jogos de construção: Os jogos de construção, como os blocos ou LEGOs, estimulam a criatividade, a coordenação motora e a resolução de problemas. As crianças podem construir estruturas, fazer experiências com formas e texturas e desenvolver o seu raciocínio lógico.

      11. Exploração sensorial no exterior: Incentiva as crianças a explorar a natureza e o ambiente exterior utilizando os seus sentidos. Podem tocar na casca das árvores, ouvir os sons da natureza, cheirar as flores e observar as cores e as formas das plantas.

      12 Jogos de bolas sensoriais: Oferece bolas sensoriais de diferentes texturas, tamanhos e cores. As crianças podem atirá-los, apanhá-los, enrolá-los ou apertá-los para descobrir diferentes sensações tácteis.

      13. Actividades culinárias: Convida as crianças a participarem em actividades culinárias simples, como misturar ingredientes, amassar massa ou decorar biscoitos. Isto estimula o paladar, o tato e o olfato, além de encorajar a independência.

      14. Actividades artísticas: Incentiva as crianças a expressarem-se artisticamente utilizando diferentes materiais, como tinta, giz, canetas de feltro ou colagem. Isto estimula a criatividade, a motricidade fina e a apreciação estética.

         

         

        O meu nome é Johanna e sou professora de necessidades especiais há 7 anos, trabalhando principalmente com crianças autistas. A minha carreira neste domínio tem sido simultaneamente exigente e incrivelmente gratificante. Todos os dias, sou testemunha dos progressos e dos momentos de alegria que as nossas actividades sensoriais proporcionam a estas crianças extraordinárias.

        Trabalhar com crianças autistas tem os seus desafios, mas acredito firmemente que todas as crianças merecem uma oportunidade para se desenvolverem e aprenderem à sua maneira única. As actividades sensoriais são uma ferramenta valiosa na nossa caixa de ferramentas, pois permitem que as crianças se liguem ao seu ambiente de uma forma que lhes é confortável e familiar.

        Uma das minhas actividades favoritas é criar “zonas sensoriais” nas nossas salas de aula. Estas zonas são especialmente concebidas para responder às necessidades individuais de cada criança. Por exemplo, temos uma zona de areia cinética para os que gostam de sentir a areia entre os dedos, uma zona de luz suave para os que procuram uma estimulação visual calmante e uma zona de almofadas sensoriais para os que precisam de pressão corporal.

        Ver uma criança entrar numa destas zonas e envolver-se totalmente numa atividade sensorial é uma experiência incrível. Os sorrisos e gargalhadas que daí resultam não têm preço. Isto vai muito além da aprendizagem académica; é uma verdadeira ligação emocional e sensorial que tem lugar.

        Para além das zonas sensoriais, também utilizamos ferramentas como baloiços sensoriais, banhos de pés com berlindes e até jogos de areia e água. Cada criança tem as suas preferências, e a nossa tarefa é descobri-las e integrá-las no nosso programa educativo.

        Lembro-me de uma criança em particular, o Lucas, que inicialmente não era verbal e tinha dificuldade em comunicar as suas necessidades. Através de actividades sensoriais como pintar as mãos, massagens leves e jogos com água, conseguimos ajudá-lo a desenvolver as suas capacidades de comunicação e a abrir-se gradualmente aos outros. Ver o Lucas a desabrochar e ouvir as suas primeiras palavras foi um dos momentos mais emocionantes da minha carreira.

        Em última análise, trabalhar com crianças autistas e utilizar actividades sensoriais requer paciência, criatividade e amor. Cada pequeno passo em frente é uma vitória, e tenho orgulho em fazer parte desta equipa dedicada que está a ajudar a tornar a vida destas crianças mais rica e mais gratificante. As actividades sensoriais são muito mais do que um simples meio de ensino, são uma porta de entrada para o mundo para estas crianças, e é um privilégio acompanhá-las nesta viagem.

        Johanna, educadora especializada

        15. Actividades sensoriais num tablet com COCO

        As actividades sensoriais em tablets oferecem uma oportunidade fascinante para as crianças com autismo explorarem e aprenderem num ambiente interativo adaptado às suas necessidades específicas. Estas aplicações são concebidas para estimular vários sentidos ao mesmo tempo, utilizando imagens, sons, vibrações e até interacções tácteis para criar uma experiência imersiva. Podem ajudar a reforçar a coordenação mão-olho, desenvolver a concentração e incentivar a comunicação, respeitando o ritmo de cada criança. As actividades sensoriais baseadas em tablets são uma ferramenta valiosa para educadores e pais, uma vez que permitem que as experiências de aprendizagem das crianças sejam personalizadas e adaptadas às suas preferências sensoriais, promovendo o seu desenvolvimento global de uma forma envolvente e divertida.

         

        Com o programa COCO, descobre mais de 30 jogos cognitivos adaptados e explora : Perce-Ballons, L’oreille Musicale, yoga, dança… uma série de actividades prontas a usar que não requerem qualquer preparação!

        Descobre a aplicação

        COCO PENSA e COCO SE MEXE ©

        cocoetcocosport-coco-app-criança-educacional-educacional-crianças-lúdico-cultural-jogos-jogo-aplicação-cerebral-tablet-smartphone-

        Apoio às crianças com autismo

         

        Ao oferecer regularmente actividades sensoriais adequadas, os pais e os profissionais podem ajudar a estimular o desenvolvimento global das crianças autistas, aumentar a sua auto-confiança e encorajá-las a realizar o seu potencial. As actividades sensoriais proporcionam um espaço seguro e agradável onde as crianças podem explorar, aprender e crescer ao seu próprio ritmo.

        Dedica algum tempo a explorar diferentes actividades sensoriais e descobre quais as que funcionam melhor para o teu filho. Sê paciente, encorajador e aberto à descoberta. Ao utilizar estas actividades sensoriais como ferramentas de desenvolvimento, podes apoiar o teu filho autista no seu percurso de crescimento e ajudá-lo a atingir todo o seu potencial.

        E PARA MAIS INFORMAÇÕES

        COCO, PARA CRIANÇAS AUTISTAS

         

        COCO é um programa adaptado para crianças autistas que oferece uma coleção de jogos educativos e cognitivos. Os níveis de dificuldade crescentes permitem que as crianças progridam ao seu próprio ritmo. É também essencial fazer uma pausa desportiva a cada 15 minutos de tempo de ecrã para evitar a dependência.

        ACOMPANHA UMA CRIANÇA AUTISTA

        Neste guia, vamos dar-te conselhos práticos sobre como ajudar uma criança com autismo e como estimular e criar laços com ela. Conselhos úteis para o dia a dia para facilitar a vida dos familiares e profissionais que prestam cuidados.

        Ler

        FERNANDO, PARA ADULTOS AUTISTAS

        Adaptado a adultos com autismo, o programa FERNANDO propõe uma série de jogos para desenvolver os conhecimentos, melhorar a concentração e reforçar as capacidades mentais. FERNANDO foi concebido para ser acessível a todos, mantendo-se ao mesmo tempo atento à saúde mental.

        APOIAR UM ADULTO COM AUTISMO

        Neste guia, damos-te conselhos práticos sobre como apoiar, estimular e criar laços com um adulto com autismo. Conselhos úteis para o dia a dia para facilitar a vida dos familiares e profissionais que prestam cuidados. Exercícios para trabalhar todos os aspectos.

        Outros artigos que te podem interessar: